abono-salarial-comeca-a-ser-pago-nesta-terca-feira-(30)

Abono salarial começa a ser pago nesta terça-feira (30)

O pagamento do abono salarial do PIS/Pasep 2020/2021 para correntistas da Caixa Econômico e do Banco do Brasil começa nesta terça-feira (30). Para os demais, os saques serão liberados a partir de 16 de julho. O pagamento foi antecipado em função da pandemia do novo coronavírus. Em anos anteriores, o calendário foi iniciado no final de julho.

O valor do abono varia de R$ 88 a R$ 1.045, de acordo com a quantidade de meses trabalhados em 2019. O dinheiro pode ser retirado até 30 de junho de 2021.

De acordo com o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, no próximo ano o calendário também deverá ser antecipado. “Já em 2021, para aqueles nascidos no primeiro semestre, será acelerado o pagamento. Ou seja, em janeiro para os nascidos em janeiro e fevereiro, em fevereiro para os nascidos em março ou abril, em março para os nascidos em maio e junho. Haverá uma antecipação durante os três primeiros meses do ano”, explicou o presidente da Caixa.

“Esse serviço é mais um que a Caixa está prestando à sociedade em um momento delicado de pandemia, de retomada da economia”, disse Guimarães.

O pagamento leva em conta o mês de nascimento para os trabalhadores da iniciativa privada, vinculados ao Programa de Integração Social (PIS). Já para os funcionários públicos, associados ao Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), vale o dígito final do número de inscrição do Pasep.

Confira a resolução do Diário Oficial e calendário

Iniciativa privada

A Caixa vai pagar a partir desta terça-feira (30) os nascidos de julho a dezembro. São mais de 5,9 milhões de trabalhadores que terão o crédito em conta antecipado, totalizando R$ 4,5 bilhões em recursos injetados na economia.

Os nascidos entre janeiro e junho terão o recurso disponível para saque em 2021. No total, tem direito ao abono mais de 20,5 milhões de beneficiários.

Para retirar o recurso, quem tem o Cartão do Cidadão e senha cadastrada pode se dirigir a uma casa lotérica, a um ponto de atendimento Caixa Aqui ou aos terminais de autoatendimento do banco. Para que ocorra crédito em conta da Caixa, é preciso ter conta individual com movimentação.

Quem não tem o Cartão do Cidadão e não recebeu automaticamente em conta da Caixa, o valor pode ser retirado em qualquer agência, apresentando o documento de identificação oficial com foto.

O trabalhador pode consultar o valor do benefício no Aplicativo Caixa Trabalhador, no site ou pelo Atendimento ao Cidadão, no número, 0800 726 0207.

Funcionários Públicos

Para os funcionários públicos, o pagamento é feito pelo Banco do Brasil e o calendário leva em conta o dígito final do número de inscrição do Pasep.

Segundo o Banco do Brasil, o crédito será realizado na noite desta terça-feira (30) para cerca de 620 trabalhadores com final de inscrição de 0 a 4 e que são correntistas e poupadores da instituição. Um montante aproximado de R$ 600 milhões.

Já para as inscrições com o final entre 5 e 9, o pagamento será no próximo ano. Deverão ser beneficiados, no total, 2.712.900 trabalhadores.

Para tirar dúvidas, os servidores públicos podem ligar no 0800-729 00 01, do Banco do Brasil.

Quem tem direito ao abono salarial

Para ter direito ao abono salarial do PIS/Pasep é preciso ter trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias em 2019, com remuneração média de até dois salários mínimos.

Além disso, o trabalhador tem que estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter tido seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

Pagamento de abono do período anterior

Quem não retirou o abono do calendário 2019/2020 poderá efetuar o saque agora no calendário 2020/2021 ou em até cinco anos, sem a necessidade de determinação judicial. Segundo o ministério da Economia, os correntistas da Caixa e do Banco do Brasil terão os créditos em conta disponíveis também a partir de 30 de junho e os demais trabalhadores poderão fazer o saque a partir de 16 de julho.

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *