AS ESCÓRIAS DA SOCIEDADE

De Lucineide Melo

Cláudio, lendo os pontos de vista dos seus leitores sobre o assunto em pauta abordado por você, me detive neste de autoria do senhor Roberto Cortez que faço questão em divulgar entre todos do nosso grupo:

Assunto: AS ESCÓRIAS DA SOCIEDADE
Cortez Roberto <rscortez47@yahoo.com.br>
Qui 06/12/2018, 23:37

Caro Claudio Melo,

Perfeita sua avaliação! Os que têm a compreensão dos deveres e do limite dos seus diretos, sofrem com as irresponsabilidades dos extremos. Somos obrigados a manter cafajestes e crianças produzidas insanamente com os impostos. Na sequência, tornarmo-nos as vítimas em potencial. Meninos e Meninas sem objetivos de estudo e/ou trabalho, alimentados pelo coitadismo que somos obrigados a conviver.
Abço.
Roberto

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Current ye@r *