Nos Bastidores da Política – Do Blog do jornalista Fernando Machado

Hoje, será realizado leilão para a compra de 757,3 toneladas de alimentos destinados à montagem de cestas. Os itens serão doados para quilombolas da Bahia e indígenas do Pará. Os produtos que vão compor aproximadamente 34 mil cestas serão distribuídos para combater a insegurança alimentar e nutricional causada pela pandemia do Covid-19. As comunidades quilombolas baianas vão receber 22,9 mil cestas de alimentos, enquanto os indígenas do Pará receberão mais de 11,4 mil.

Auxílio Emergencial servirá como legado para o aprimoramento de diversas políticas públicas e para a ampliação da cidadania no Brasil. Maior programa de transferência de renda da história do país, benefício já teve reconhecimento internacional como referência de boa prática de assistência. Produtos como um novo Cadastro Único e um documento nacional de identidade serão uns dos herdeiros dessa operação. A tecnologia é parte fundamental nesse processo.
Flashes

Tenho ouvido muitos elogios pela atuação de Gabrielle Fazio na agencia do Santander Select, em Boa Viagem. É competente e educada.

Rede Cinemark reabre hoje, no RioMar Recife, com os filmes Harry Potter e a Pedra Filosofal, O Senhor dos Anéis, Matrix, Mulher Maravilha, entre outros.

Hoje, 17h, a Ramonzin lança pelo zoom, seu 2° álbum, Arteiro. Com participações de MalíaMV Bill, Djonga, BK’, L7NNON e Luedji Luna.

A  poetisa Lourdes Sarmento receberá, hoje, on line, o Premio Carlos Pena Filho, da União Brasileira de Escritores (RJ), pelo livro Sinfonia de Estrelas.

Leia Mais

Procon Recife realiza pesquisa e encontra variação de até 427% no preço de um mesmo produto

A pesquisa foi realizada em outubro, abrangendo 59 itens em 11 redes de supermercados

Levantamento feito pelo Procon Recife em 11 redes de supermercados no Recife mostrou uma variação de preço de  427% para um mesmo produto. A maior alta foi registrada no sabonete Jonhson’s 80 gramas que em um supermercado custava R$ 2,79 (menor preço encontrado), enquanto em uma outra rede de supermercado estava sendo vendido a R$ 14,69.
O estudo analisa os preços cobrados para 59 itens, entre alimentos e produtos de higiene pessoal, infantil e do lar, considerados pelo Procon Recife como gêneros de primeira necessidade.  O levantamento foi divulgado nesta sexta-feira, 23/10, e assume como base preços pesquisados presencialmente durante os dias 19, 20 e 21 de outubro em supermercados da capital pernambucana.
Além do sabonete Jonhson’s, outros produtos também ocupam os primeiros lugares no ranking de itens com maior variação de preço nas prateleiras dos diversos supermercados da cidade. A unidade do abacaxi registrou diferença de 195% custando de R$ 1,69 a R$4,99, o coentro registrou diferença de 202% custando de R$ 0,99 a R$ 2,99, o mamão uma diferença de 185%  custando de R$ 1,75 a R$ 4,99 e o papel higiênico perfumado tradicional registrou uma diferença de 251% custando de R$ 1,79 a R$ 6,29. Dos 59 produtos pesquisados, 19 apresentaram uma variação acima de 100% no valor cobrando a depender da rede de supermercado e também da localidade na qual estava sendo vendido.
Vale lembrar que o levantamento é apenas consultivo e tem como principal objetivo ajudar o consumidor a economizar. Por meio do levantamento, a população pode ter acesso a quais supermercados estão apresentando produtos mais em conta, bem como promoções ou com falta de produtos em estoque.
“É bom deixar claro que a pesquisa nos supermercados é uma forma de oferecer ao consumidor recifense opções de valores de produtos e alimentos, não tendo caráter de fiscalização de preços”, pontuou Ana Paula Jardim, presidente do Procon Recife. 
O Procon frisou que “o consumidor possui o direito de questionar e denunciar preços que considerar abusivos pelo telefone 08002811311 ou pelo email denunciaprocon@recife.pe.gov.br. A entidade pontuou ainda que necessita das denúncias para instaurar procedimentos de investigação sobre preços elevados sem justa causa e de forma abusiva.
Algumas dicas para o consumidor economizar na hora de ir às compras:  verifique as datas de promoções e dias de ofertas, análise os encartes distribuídos como sendo de produtos promocionais e exija os mesmos preços nos caixas. Se houver divergência, o consumidor tem o direito de pagar sempre o menor valor. Faça uma lista dos produtos que realmente precisa comprar, evite realizar as compras com fome ou acompanhado de crianças, pesquise preços e verifique a melhor forma de pagamento e descontos nos pagamento à vista, em dinheiro e no cartão de crédito, confira a data de validade dos produtos.
— 
SEDA – Secretaria de Direitos dos AnimaisPGM

Procuradoria-Geral do Município

PROCON Recife

Leia Mais

TJPE forma primeira turma para atuar no PJe na área criminal e infracional

 Agilização processual, transparência, economia de gastos, eficácia e segurança jurídicas. A implantação do Processo Judicial eletrônico (PJe) Criminal/Infracional marca a expansão desses elementos de forma ainda mais efetiva no Judiciário estadual pernambucano. No dia 3 de novembro, o sistema começa a ser ampliado nas unidades judiciárias em que tramitam processos criminais e atos infracionais. Para efetivar essa iniciativa, o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), por meio da Escola Judicial (Esmape), está promovendo a capacitação de magistrados, oficiais de justiça, assessores de gabinete, servidores de secretaria e do psicossocial. A primeira turma se formou, por meio de Ensino à Distância (EAD), nesta quinta-feira (22/10).

Iniciado no dia 19 de outubro, o processo de capacitação ainda contará com mais oito turmas, e segue até o dia 25 de novembro. Um dos magistrados que se capacitou na primeira turma, que contou com 16 participantes, foi o membro do sub-comitê do PJe Criminal/Infracional e titular da Vara de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher do Cabo de Santo Agostinho, Francisco Tojal. Para o juiz, a expansão do PJe é fruto do comprometimento do TJPE, e de muito trabalho de diversos setores na superação de desafios, incluindo a pandemia pelo novo coronavírus, para prestar um melhor serviço ao jurisdicionado. “Parabenizo o Tribunal de Justiça por essa atitude que representa uma grande guinada na jurisdição criminal no nosso Estado com o uso mais efetivo da tecnologia que vem promovendo uma prestação jurisdicional cada vez melhor. Sobre o curso eu digo que tem sido extremamente relevante e valioso fazer parte da ambientação desse novo sistema”, afirmou.

Formada também na primeira turma, a juíza titular da Vara da Infância e Juventude de Jaboatão dos Guararapes, Christiana Caribé, fala também com entusiasmo da implantação do PJe Criminal/Infracional, sistema já por ela conhecido na área cível. “A Vara da Infância de Jaboatão desde 2018 trabalha com o PJe cível, pelo que já conhecíamos as inúmeras vantagens, especialmente agilidade e economia processuais. Com a situação atual de pandemia causada pelo novo coronavírus, pudemos perceber inúmeros outros benefícios, especialmente para a nossa saúde e proteção do meio ambiente. Os processos judiciais eletrônicos nos permitem trabalhar mesmo em isolamento social, com segurança e higiene. Ainda permite uma economia de tempo e de recursos enorme, já que os feitos não precisam ser fisicamente remetidos para as partes e elimina a necessidade de arquivos físicos. Estamos confiantes que nossa prestação jurisdicional será ainda mais ágil, segura e eficaz”, observou.

Os juízes Francisco Tojal e Christiana Caribé fazem parte de duas unidades judiciárias em que o PJe Criminal/ Infracional será implantado como projeto-piloto a partir de 3 de novembro. No total, fazem parte dessa fase inicial oito unidades judiciárias e mais dois polos de custódia e uma Central de Flagrantes. As unidades são: Vara de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher do Cabo de Santo Agostinho, Vara da Infância e Juventude de Jaboatão dos Guararapes, Vara Criminal de Abreu e Lima; Vara do Tribunal do Júri de Olinda; Vara de Crimes Contra a Administração e Ordem Tributária da Capital; 1ª Vara dos Crimes contra Criança e Adolescente da Capital; 2ª Vara dos Crimes contra Criança e Adolescente da Capital e o Juizado Especial Criminal de Petrolina. Os polos de custódia são o de Jaboatão dos Guararapes e o de Olinda, e a Central de Flagrantes do Recife.

Para o presidente do Comitê do PJe no Tribunal, desembargador Sílvio Neves Baptista, a chegada do PJe nos processos criminais e infracionais é a realização de um sonho antigo. “Os magistrados, servidores, advogados, defensores públicos e partes, desfrutarão da liberdade de acesso integral aos autos, independente do dia, hora ou local em que se encontrem. Esse marco é fruto de um trabalho árduo da Coordenação do PJe, da Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação (Setic) e dos magistrados que muito contribuíram para a implantação, especialmente o desembargador Mauro Alencar e o juiz Rafael Cardozo. Iniciamos uma nova fase, e esperamos em breve, com a introdução no sistema em todas as unidades do primeiro e segundo grau de jurisdição, partir para a etapa seguinte, que é a migração dos processos físicos para o eletrônico”, pontuou.

O presidente do subcomitê do PJe Criminal, desembargador Mauro Alencar, enfatiza que a pandemia pelo novo coronavírus apenas antecipou o projeto de implementar a tramitação eletrônica dos processos na área criminal. “Esse sempre foi um grande objetivo nosso. Este ano conseguimos, desde o mês de junho, implantar o Habeas Corpus Criminal no âmbito das Câmaras Criminais e na Câmara Regional de Caruaru por meio do PJe. Então, o futuro tecnológico acabou se antecipando no Judiciário estadual pernambucano nessa área, trazendo ainda mais agilidade no trâmite criminal, além de praticidade e economia de gastos com papel, por exemplo. Benefícios que são sentidos tanto no Tribunal, como para as partes do processo, envolvendo os operadores de direito, e o jurisdicionado, que representa a principal motivação para nosso avanço”, observou.

O juiz coordenador da implantação do fluxo no PJe criminal, Rafael Cardozo, destaca também a relevância da iniciativa para o desenvolvimento da prestação jurisdicional no Estado. “O PJe chega para a área criminal e infracional como mais uma ferramenta para conferir efetividade à prestação jurisdicional, em um momento que a sociedade espera do Judiciário cada vez mais agilidade na resolução dos conflitos. O sistema possibilita e efetiva a tramitação eletrônica de processos, a comunicação digital e a realização de audiência por videoconferência, de modo que, mesmo com medidas sanitárias restritivas, os processos criminais e infracionais não ficam paralisados. Ressalto que Pernambuco sai na frente, mais uma vez, e inicia o projeto-piloto com a intenção da expansão de forma mais rápida possível para todo o Estado”, afirmou.

Leia Mais

Quinteto Violado celebra 49 anos de carreira em live no YouTube do Cais do Sertão

Grupo faz apresentação especial neste sábado (24), direto do auditório do museu

Recife, 22 de outubro de 2020 – Há quase meio século, nascia um dos grupos mais prestigiados e premiados da música pernambucana. Para celebrar o legado e a contribuição para a preservação da cultura nordestina, o Quinteto Violado celebra trajetória no mercado fonográfico com live especial nos canais do YouTube do Cais do Sertão e da banda. A apresentação será transmitida online, direto do auditório do museu, neste sábado (24), a partir das 16h.

Produzindo inúmeros discos e canções para o acervo da música pernambucana desde a década de 1970, o Quinteto compartilhará com os fãs na live do fim de semana um repertório com 18 canções clássicas – “Asa Branca”; “Sete Meninas”; “Cavalo Marinho”; “Palavra Acesa”; e “Acauã” -, além de uma homenagem ao saudoso músico Toinho Alves, fundador da banda falecido em 2008. O contrabaixista será lembrado com a apresentação da faixa “Saudade Boa”. Durante o show, serão exibidas  imagens da exposição do museu e mensagens de admiradores dos artistas.

Espaço seminal para o acolhimentos de artistas, acadêmicos e músicos, o Centro Cultural Cais do Sertão permite imersão à memória e à plural formação cultural do Estado a partir de seu acervo e arquitetura.“Para nós, celebrar os quase 50 anos de carreira no Cais é o mesmo que celebrar na nossa casa. O museu permite ser este lugar de acolhimento e inspiração para inúmeros artistas do cenário local”, comenta o músico Dudu Alves.

O Quinteto é formado por Marcelo Melo (voz e violão), Ciano Alves (flauta), Roberto Medeiros (bateria e voz), Dudu Alves (teclado e voz) e Sandro Lins (baixo). Internacionalmente reconhecidos, colecionam dezenas de prêmios, entre eles o Troféu Noel Rosa de Melhor Conjunto Instrumental do Brasil, pela Associação de Críticos de Arte de São Paulo, e indicação ao Grammy Latino pelo disco dedicado ao Rei do Baião, Luiz Gonzaga, “Quinteto canta Gonzagão”.

SERVIÇO

Quinteto Violado celebra 49 anos – sábado (24), às 16h, no canal do YouTube Quinteto Violado e Cais do Sertão.

SECRETARIA DE TURISMO E LAZER DE PERNAMBUCO EMPRESA DE TURISMO DE PERNAMBUCO (EMPETUR)CENTRO CULTURAL CAIS DO SERTÃOARENA DE PERNAMBUCO

Leia Mais

IRH PRECISA TOMAR PROVIDÊNCIA

Firmino Caetano Júnior, jornalista
Estive na Clínica Boris Berenstein, que fica na Rua da Baixa Verde, Bairro do Derby, no Recife, em Pernambuco, marcar um exame de Raio-X Panorâmico da Coluna Vertebral. Quando do atendimento, fui informado que na unidade de Boa Viagem tinha vaga disponível. Mas, logo em seguida qual seria o meu plano de saúde. Quando disse que era o Sassepe, fui informado que não tinha vagas disponível, e que tentasse marcar através de um agendamento. Fiz o agendamento e até hoje estou esperando ser chamado. Isso é ou não uma falta de respeito? O Instituto de Recursos humanos do Sassepe, deveria descredenciar esta clínica do plano urgentemente. Foto. Firmino Caetano Junior. Recife/PE.

Leia Mais