13-vezes-em-que-“satanas”-se-aventurou-na-cozinha

13 Vezes em que “satanás” se aventurou na cozinha

13-vezes-em-que-“satanas”-se-aventurou-na-cozinha

julho 10, 2020
Atualidades

Você certamente já inventou alguma gororoba na cozinha, mas provavelmente NADA chegou aos pés dessas iguarias aqui!

1 – Esse macarrão com queijo colorido

2 – Bacon com chocolate?! Será que isso é bom?!

3 – Que tal um vinho servido em copinhos de queijo?

4 – Cookies de cheetos é realmente uma ousadia culinária

5 – Hot dog de taco?! Sim, existe!

6 – Se você gosta de pepperoni, será que você encara alguns cobertos de chocolate?

7 – Frango temperado com suco em pó pode ser uma opção meio bizarra

8 – Tá de dieta?!

9 – Que tal comprar ovos cozidos e embalados no mercado?!

10 – Ovo assado na pera… e você achando que já tinha visto de tudo

11 – Tortilha com sorvete de menta

12 – Gosta de picles? Então que tal esse sorvetinho apetitoso?

13 – Omelete de macarrão é a prova de que o improviso não tem limites

Fonte: BuzzFeed

Leia Mais

#148-||-pernambuco-contra-o-novo-coronavirus

#148 || Pernambuco contra o novo coronavírus

Sexta-feira, 10.07.2020

TEMPLOS RELIGIOSOS | Igrejas e templos religiosos vão poder reabrir, nos municípios do Agreste, a partir da próxima segunda-feira (13). Os espaços religiosos deverão seguir rígido protocolo, com uma série de medidas preventivas, e limitar o público a 30% de sua capacidade, podendo chegar ao limite de 50 pessoas nos templos de até mil lugares, e de 300 pessoas nos locais com capacidade acima de mil lugares. No mesmo dia – como parte do avanço da etapa 2 para a etapa 4 do Plano de Convivência com a Covid-19 –  reabrem também, no Agreste, lojas de varejo de rua, os salões de beleza e estética, comércio de veículos, incluindo serviço de aluguel e vistoria, com 50% da carga, construção civil com 100% do efetivo, além de shoppings centers com atendimento presencial. A liberação de parques e praças ficará a cargo das prefeituras. Saiba mais: https://bit.ly/2CorbBD.

POLO DE CONFECÇÕES | Em nota à imprensa, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico reafirmou que o avanço dos municípios do Agreste à etapa 4 do Plano de Convivência não contempla a reabertura ao público das atividades do Polo de Confecções do Agreste. Por enquanto, as empresas do polo devem continuar operando exclusivamente via delivery e coleta. A reabertura desses estabelecimentos, com novos protocolos sanitários e de segurança, está na etapa 7 do Plano de Convivência, ainda sem data prevista.

CORONAVÍRUS | O boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou, hoje (10), 1.333 novos casos da Covid-19 em Pernambuco. Desses, 1.171 (88%) são leves, isto é, não demandaram internamento hospitalar ou estavam na fase final da doença; outros 162 (12%) se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag). O Estado agora conta 70.100 casos confirmados, número que inclui as 49.483 pessoas já curadas da doença em Pernambuco. O boletim também registrou 73 óbitos, 24 dos quais (33 %) ocorreram nos últimos três dias. Com isso, o número de vítimas fatais do Novo Coronavírus em Pernambuco passou para 5.482. Leia o boletim completo: https://bit.ly/3ejtPWk.

=> Entenda a metodologia para definição de casos: https://bit.ly/321Ih31.

ATENDE EM CASA | O aplicativo Atende em Casa ficou disponível, hoje (10), para os 11,3 mil moradores de Poção, no Agreste pernambucano. O Atende em Casa realiza a teleorientação de pessoas com sintomas gripais, além de prestar suporte emocional para suspeitos de Covid-19 que apresentam sofrimento psíquico. Atualmente, 98,6% da população pernambucana, em 178 municípios, podem usar a ferramenta, que é gratuita. É possível baixá-la em smartphones Android ou acessar em www.atendeemcasa.pe.gov.br.

PROTOCOLOS | Consulte aqui os protocolos gerais e específicos dos setores que já voltaram a funcionar:  https://bit.ly/3gDeiCw.

FAKE NEWS | Antes de repassar alguma notícia, confirme em fontes oficiais! Confira boatos já desmentidos: https://www.pecontracoronavirus.pe.gov.br/#fakenews.

Para informações sobre testagem para o novo coronavírus: https://dados.seplag.pe.gov.br/apps/corona.html#testes.

Para informações sobre casos de Covid-19 na população privada de liberdade: https://dados.seplag.pe.gov.br/apps/corona.html#prisional.

Informe Epidemiológico: https://www.cievspe.com/novo-coronavirus-2019-ncov.

Para denunciar descumprimento das medidas ligue 190.

Leia Mais

mutirao-de-servicos-atende-jardim-brasil,-em-olinda

Mutirão de serviços atende Jardim Brasil, em Olinda

mutirao-de-servicos-atende-jardim-brasil,-em-olinda

julho 10, 2020
Olinda

Deixe um comentário

O Arrumando a Casa aportou nesta quinta-feira (09.07) na Avenida Transamazônica, em Jardim Brasil, com um conjunto de benefícios para os moradores. Semanalmente, o projeto, iniciado em 2017, realiza uma força-tarefa que inclui operação tapa-buraco, desobstrução de sistema de drenagem, reforço na iluminação, capinação e muito mais. O prefeito, Professor Lupércio, esteve monitorando a realização […]

O post Mutirão de serviços atende Jardim Brasil, em Olinda apareceu primeiro em Prefeitura de Olinda, em ação contra o coronavírus.

Relacionado

Leia Mais

micro-e-pequenos-empresarios-contam-com-linha-de-credito-durante-pandemia

Micro e Pequenos empresários contam com linha de crédito durante pandemia

julho 10, 2020
Economia, Últimas Notícias

Governo isentou cobrança de Tarifa de Abertura de Crédito para linha de crédito do programa

Publicado em

08/07/2020 18h49

Atualizado em


08/07/2020 18h51

O pequeno empresário, Rodrigo Ferreira, dono de uma padaria no Distrito Federal, enfrentou problemas financeiros por conta da pandemia. Para não fechar as portas do empreendimento, que já existe há 10 anos, fez um financiamento no valor de R$ 100 mil.

Para isso, ele contou com o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe) que é uma linha de crédito criada para atender aos pequenos negócios no Brasil que enfrentam dificuldades por conta da pandemia da Covid-19.

“Graças ao trabalho do Banco do Brasil, eu tive a felicidade de receber o auxílio da linha de crédito Pronampe. Essa linha de crédito vai ajudar muito na sobrevivência da empresa nos próximos meses, e eu estou muito confiante que a gente vai superar a crise e vamos sobreviver a essa pandemia”.

O Banco do Brasil já liberou, desde o início deste mês, R$ 3,7 bilhões pelo Pronampe assistindo mais de 60 mil empresas. Já na Caixa Econômica Federal, já foram contratadas, por meio do programa, mais de 18,3 mil operações de crédito desde maio e cerca de R$ 1,3 bilhão. Segundo a Caixa, R$ 3 bilhões estão em análise. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (07).

Isenção da cobrança de Tarifa de Abertura de Crédito 

Nesta semana, a Caixa anunciou a isenção da cobrança de tarifa para linha de crédito pelo Programa de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe). A tarifa era cobrada no momento da contratação, como acontece em todos os produtos de crédito. Clientes que já efetivaram o contrato terão devolução efetuada pela Caixa em conta da empresa. O Banco do Brasil também não cobra tarifa de abertura de crédito neste programa.

A quem se destina o Pronampe?

A linha de crédito do Pronampe stá disponível para empresas com até R$ 4,8 milhões de faturamento anual, considerando a receita bruta de 2019:

  • MEI – faturamento até R$ 81.000,00 (oitenta e um mil reais).
  • Microempresas – faturamento igual ou inferior a R$ 360.000,00 (trezentos e sessenta mil reais).
  • Empresas de pequeno porte – faturamento entre R$ 360.000,00 (trezentos e sessenta mil reais) e R$ 4.800.00,00 (quatro milhões e oitocentos mil reais).

O crédito pode ser utilizado em investimentos e capital de giro, como por exemplo, para adquirir máquinas e equipamentos, realizar reformas e também para o pagamento de contas de água, luz, aluguel ou pagamento de salário de funcionários.

As parcelas do empréstimo deverão ser quitadas no prazo máximo de 36 meses, incluindo o período de carência, de até 8 meses. A taxa de juros anual é a Selic, atualmente em 3%, mais 1,25% sobre o valor concedido.

A empresa poderá tomar empréstimos de até 30% da receita brutal anual registrada em 2019. Para empresas com menos de um ano de funcionamento, o limite de empréstimo é de até 50% do capital social ou até 30% da média do faturamento mensal, o que for mais vantajoso. As contratações devem ser realizadas em até três meses a partir de 18 de maio, data da publicação da lei, podendo o prazo ser prorrogado por mais três meses.

Para aderir ao Pronampe, o interessado pode acessar o site do Banco do Brasil; ou da Caixa Econômica Federal.

Leia Mais

balanco-do-ministerio-da-economia-registra-quase-81-mil-servidores-em-trabalho-remoto

Balanço do Ministério da Economia registra quase 81 mil servidores em trabalho remoto

balanco-do-ministerio-da-economia-registra-quase-81-mil-servidores-em-trabalho-remoto

julho 10, 2020
Economia, Últimas Notícias

Publicado em

08/07/2020 18h32

Dados do Ministério da Economia revelam que, na semana de 29 de junho a 3 de julho, 80.930 servidores públicos federais trabalharam em casa, e 1.707 casos foram confirmados de Covid-19. Os dados foram coletados juntos às unidades de gestão de pessoas de servidores públicos federais civis. Os números não incluem as instituições federais de ensino.

Praticamente metade dos demais órgãos responderam à pesquisa da Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal (SGP) do Ministério da Economia no âmbito do Poder Executivo Federal Civil. Essa parcela que participou da pesquisa representa 162.850 servidores ativos, ou 58,7% da força de trabalho total (excluindo as instituições de ensino).

Os 80.930 servidores que trabalham remotamente representam 49,7% do total de servidores dos órgãos que responderam à pesquisa.

Pelas características particulares de autonomia das instituições que integram a Rede Federal de Educação (universidades, institutos e demais instituições de ensino federal), os seus números são divulgados pelo Ministério da Educação, no Portal do MEC. Conforme dados atualizados pelas próprias universidades e institutos federais, atualmente 277.796 servidores, ou seja, 95% da força de trabalho da Rede Federal de Educação, estão em trabalho remoto.

Em todo o Poder Executivo Federal Civil, portanto, o número de servidores públicos em trabalho remoto é de 358.726, o que representa 63% da força de trabalho total, incluindo as instituições de ensino.

Com informações do Ministério da Economia 

Leia Mais