CPRH faz retornar dez tartarugas-da-amazônia ao estado do Pará

Hoje (23) é o dia mundial da tartaruga e a gente comemora com o retorno de dez  tartarugas-da-amazônia (Podocnemis unifilis), que se encontravam no Centro de Triagem de Animais Silvestres de Pernambuco (Cetas Tangara),  ao seu habitat natural, no estado do Pará. A soltura dos animais foi realizado  no município de Tucuruí.

As tartarugas foram recuperadas em ações de fiscalização ambiental da Agência Estadual de Meio Ambiente ( CPRH) e a
parceria entre a CPRH e o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade ( ICMBio) viabilizou a soltura dos animais. “A ida da equipe do ICMBio para outras atividades favoreceu que as tartarugas fossem levadas antes da data que planejamos. Hoje,  a gente comemora o dia das tartarugas, com este feliz resultado”, comentou o gestor do Cetas Tangara, Yuri Valença. A equipe do ICMBio viajou mais de dois mil quilômetros transportando os animais.

A tartaruga-da-amazônia é a maior espécie de tartarugas fluviais da América do Sul. De acordo com o analista ambiental do ICMBio, Marcos Freitas, trata-se  de uma espécie que se encontra  ameaçada  de extinção, devido à caça predatória e ao comércio  ilegal.

O dia Mundial da Tartaruga foi criada pela organização não governamental American Tortoise Rescue, no ano de 2000.

Nucleo de Comunicacao Social

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *