Parceria reforça ação ambiental na 158ª Buscada de São Gonçalo do Amarante

Além da CPRH, Prefeitura de Itapissuma e recicladores, atividade neste domingo (13) terá a participação de escoteiros mirins e voluntários

 

Uma ação ambiental voltada para a conscientização sobre o destino correto do lixo, com mutirão de recolhimento de resíduos sólidos, marcará neste domingo (13), pelo sexto ano consecutivo, a tradicional Buscada de São Gonçalo do Amarante, no Litoral Norte do Estado. A novidade, numa parceria que envolve a Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH), a Prefeitura de Itapissuma e a Associação de Recicladores Padre Sevat, será a participação também de integrantes do 36º Grupo de Escoteiros Chefe Luiz Costa Silva e de voluntários do município.

Os participantes da ação – entre eles agentes ambientais da Área de Proteção Ambiental (APA) de Santa Cruz, representando a CPRH – vão percorrer toda a orla de Itapissuma, conscientizando sobre a importância da preservação do meio ambiente, especialmente do Canal de Santa Cruz, importante estoque pesqueiro de Pernambuco. O pessoal das embarcações que participam do evento religioso marítimo-fluvial (em 2017 foram aproximadamente 180) também serão foco da ação. O Plano de Manejo da APA de Santa Cruz proíbe o lançamento de lixo sólido e de líquidos sem tratamento nas águas ou mangues do canal.

Adeilton Vidal, integrante da equipe de gestão da APA, destaca a importância da atividade para a conservação e a sustentabilidade local e o engajamento cada vez maior dos participantes do evento. “Esta é uma parceria importante e que cresce a cada ano”, reforça a secretária de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Itapissuma, Luciana Bernardo. A Prefeitura, inclusive, implantou este ano o sistema de coleta seletiva, o que possibilita mais ganhos ao meio ambiente e aos recicladores da Associação Padre Sevat.  Além de Itapissuma, a APA de Santa Cruz abrange também os municípios de Itamaracá e Goiana.

A tradicional Buscada de São Gonçalo do Amarante, que este ano realiza sua 158ª edição, dura praticamente todo o dia, começando pela manhã, por volta das 9h, e culminando depois das 18h. Em 2017, a ação ambiental resultou na coleta de mais de cem quilos de latinhas e garrafas pets, recolhidos em  sete big bags – cada um com capacidade de mil litros – e encaminhados aos recicladores da associação.

 

Foto: Arquivo CPRH

  • Fotos da ação ambiental realizada no ano passado, durante a Buscada de São Gonçalo do Amarante.

Núcleo de Comunicação Social e Educação Ambiental – NCSEA Agência Estadual de Meio Ambiente – CPRH www.cprh.pe.gov.br

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Current ye@r *