Profissionais da Saúde de Olinda e do MS trocam experiências no controle da sífilis

O encontro mobilizou também dirigentes da Maternidade do Tricentenário

 

A Secretaria de Saúde de Olinda lançou, nesta sexta-feira (15.03), a Linha de Cuidado da Criança Exposta à Sífilis e com Sífilis Congênita. O objetivo da iniciativa, coordenada por um comitê de enfrentamento, é ampliar as estratégias contra a doença. Profissionais de diversos setores discutiram sobre metas relativas ao tema. O encontro, realizado no auditório da Uninassau, no Shopping Patteo, reuniu cerca de 150 pessoas da área e dirigentes da Maternidade do Hospital Tricentenário.

O evento também serviu para apresentação dos resultados alcançados no controle da doença em 2018, definição de incrementos no trabalho e a projeção de metas para o ano em curso.  Estratégias para prevenção combinada para IST, HIV-AIDS com foco na Sífilis e Hepatites B e C também entraram na lista de discussões.

O público presente foi constituído por pediatras, neonatologistas, ginecologistas, dentistas, enfermeiros, médicos de outras especialidades e outros trabalhadores de saúde.

As abordagens foram apresentadas pela apoiadora do Ministério da Saúde, Adriana Johnson;  a coordenadora da Saúde da Mulher no município, Cleonúsia Vasconcelos; a gerente Vigilância Epidemiológica, Priscila Lelis; a coordenadora de IST-AIDS, Fátima Vieira; a coordenadora da Saúde da Criança e do Adolescente, Raquel Braga e a pediatra Alessandra Fam. A secretária de Saúde, Emília Gonzalez, e a secretária executiva de Saúde, Zelma Pessôa, coordenaram as ações.

 

Comunicação Olinda

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Current ye@r *