QUANDO SE CONHECE O PREÇO, DÁ-SE MELHOR VALOR

PROFISSÃO PARA O RESTO DA VIDA

A solução definitiva para melhorar/curar/redimir

o ensino superior no Brasil,

é colocar nas costas, na capacidade, e no suor

do estudante, o pagamento de seu curso.

Nem governo, nem seus pais, nem FIES e

e muitos menos os avalistas devem continuando bancando

esta conta, que  deve ser  responsabilidade do aluno.

3 anos de carência após a formatura e/ou doutorado,

e aí o aluno vai devolver, lentamente, em 15 anos,

o que ganhou, por empréstimo, da sociedade

para construir sua carreira.

Então, o estudante vai saber escolher melhor

o curso que quer e que será o seu ganha-pão vida afora.

Terá que se empenhar duramente para se formar,

pois a conta virá logo logo, e o mercado é bastante competitivo.

Acabarão os filhinhos de papai, os enrolões/preguiçosos,

e as dondoquinhas, mamando nas federais, pouco

se lixando para o curso e para a nação; e, mais grave ainda,

obstruindo vagas e oportunidades para quem quer,

e tem melhor vocação e respeito ao trabalho.

Via de consequência, o montão de dinheiro que é gasto,

inadequadamente, com as universidades federais será

alocado/canalizado para incrementar/abastecer/enriquecer

o ensino fundamental e médio.

E NOSSO PAÍS, COM CERTEZA,

AVANÇARÁ EXEMPLARMENTE  NA EDUCAÇÃO!

Renzo Sansoni

dr.png

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *