RONDÓ DO CAPITÃO BOLSONARO!

De Cláudio de Melo Silva – Olinda/PE

Fortemente influenciada pela cultura dos imigrantes europeus, a região Sul do Brasil apresenta grande pluralidade cultural. Os estados integrantes são: o Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina. Os imigrantes europeus começaram a chegar ao fim do século XIX e contribuíram para o desenvolvimento econômico e cultural da região. No Ranking Connected Smart Cities 2018, as cidades mais inteligentes do Brasil, são: Curitiba, São Paulo, Vitória, Florianópolis, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Porto Alegre. O Nordeste não tem nenhuma cidade representante entre as 10 melhores. E com toda a razão.

Pense numa região de população subdesenvolvida da qual faço parte e às vezes chego a me envergonhar por isso. O único orgulho que sinto em ter nascido no Nordeste e agradeço a Deus por isso, é desfrutar de um clima tropical e sem intempéries climáticas. Porém, cada vez que avançamos no tempo, regredimos no intelecto. O que dizer de um povo que vota nas eleições em seus próprios ladrões, os quais são defendidos até por intelectuais que ainda ficam magoados com os parentes e os amigos que divergem de sua ideologia política? Que torna em celebridades, artistas cujas obras causam náuseas em quem tem um pouco de discernimento cultural e musical? Que troca a exigência dos seus direitos fundamentais por “pão e circo”? Que geram filhos sem condições financeiras de criá-los? Que é preguiçoso para ler desde criança e muitos dos que chegam à universidade filam nas provas, porque ao invés de estudar vão cuidar de outros assuntos que não enriquecem os seus currículos? E que renegou a últimaesperança de melhoria na seriedade do trato da coisa pública e nas condições sociais e culturais do país, votando num candidato sujo na justiça? Aqui em Pernambuco, a exceção veio do município de Santa Cruz do Capibaribe, onde o candidato a presidente pelo PSL teve mais votos que o seu oponente, livrando-se assim do estigma de curral eleitoral.

 A nossa salvação para galgarmos o começo da reconstrução de um país devastado pelos roubos e falcatruas, devemos ao povo sulista que possui uma ampla visão política e social, quando votou em peso no candidato certo. Resta agora ao Brasil ter esperança no trabalho do Capitão Bolsonaro que já declarou na mídia que não dispensará atenção ao Nordeste, apesar de suas sinceras propostas não terem sido reconhecidas por ele. Ao nobre Capitão eu dedico a música “Rondó do Capitão”(segundo o dicionário, rondó é um poema composto em versos de oito ou dez sílabas, em duas rimas), composição do Manuel Bandeira, que fala sobre esse sentimento que todo o Brasil está agora se agarrando com unhas e dentes: A ESPERANÇA! Sabendo que o Capitão não tem homofobia, como as más línguas andaram falando, escolhi o clipe da aludida música na interpretação do Ney Matogrosso, quando o mesmo era vocalista da banda “Secos & Molhados”. Crick no link abaixo para conferir a melodia.

https://www.youtube.com/watch?v=QKtJ5oAc-oQ

Poesia de Manuel Bandeira

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Current ye@r *